Loja virtual e E-commerce NÃO são iguais: Entenda a diferença

Os termos loja virtual e e-commerce são bastante comuns nos dias de hoje, afinal de contas, eles fazem parte dos novos padrões de consumo em nossa sociedade.
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Os termos loja virtual e e-commerce são bastante comuns nos dias de hoje, afinal de contas, eles fazem parte dos novos padrões de consumo em nossa sociedade.

Mas, você sabia que existe diferença entre esses dois tipos de comércio? Pois bem, muitos acreditam ser o mesmo e não é!

Isso é algo que pode gerar dúvidas em empreendedores que querem se aventurar no meio digital e trazer sua empresa para internet, através da  criação de sites, já que hoje ela é tão importante.

Então, se você tem dúvidas sobre a diferença de ambos e como isso interfere na prestação do serviço, continue lendo esse artigo!

O que é uma loja virtual e como funciona?

A loja virtual pode ser traduzida como a criação de site,que tem por objetivo, a extensão para o meio digital, de uma empresa pré-existente no meio físico.

É uma forma de marcas, ampliarem suas vendas através de um ponto digital. Temos como um exemplo claro disso, o site da C&A.

Onde a empresa aposta na criação de uma espécie de catálogo virtual para vender tudo aquilo, que já existe em suas lojas físicas.

Seu funcionamento é bem simples, já que vemos o desenvolvimento de sites para expor produtos ou serviços. Bem como, um carrinho de compras e páginas de pagamento e entrega.

Desse modo, a loja virtual funciona de forma semelhante àquelas físicas, mas, adaptada ao modelo virtual e a experiência do usuário.

O que é um e-commerce e como funciona?

O que é um e-commerce e como funciona?

Um e-commerce por sua vez, ou comércio eletrônico em tradução literal, representa marcas nascidas no meio digital.

Ou seja, são negócios que se iniciam com a criação de sites profissionais, sem ter uma loja física por trás. Mas, que assim como as lojas virtuais, tem por objetivo vender produtos e/ou serviços.

Esse modelo de negócio muitas vezes busca iniciar e manter-se apenas no campo virtual, sem pontos físicos de vendas e, sim, apenas administrativos.

Portanto, tudo é desenvolvido pensando no aspecto digital que é o foco da marca. Investindo então, de forma ampla em estratégias do marketing digital, já que dependem fortemente delas.

Sua expansão depende de seu apelo online e de todas as transações que conseguem realizar através de desktops e dispositivos móveis.

Qual a diferença entre loja virtual e e-commerce?

Podemos dizer então, que a principal diferença entre e-commerce e loja virtual começa no serviço de criação de sites.

Isso porque no primeiro caso, uma empresa será criada do zero, a partir do momento em que a loja é colocada no ar. Sendo assim, concebida e dependente total do meio digital, onde o conceito de comércio é muito mais amplo..

Enquanto a loja virtual vem da construção de sites profissionais que se baseiam em um modelo de negócio já existente no meio físico.

O que faz com que uma série de adaptações sejam necessárias. De modo que, a marca mantenha o seu posicionamento ao estender suas operações para o mundo digital.

Anteriormente, demos a C&A como exemplo de loja virtual, então, como e-commerce podemos citar a marca nacional de cosméticos Sallve que opera de forma exclusivamente virtual.

Seguindo então, outra diferença de ambos está na relação entre conceito e funcionamento. Pois, um e-commerce está para comércio, assim como, loja virtual para ponto de vendas.

Dessa forma, o primeiro abrange todas as operações envolvidas nas ações de compra e venda que, vão desde processo simples como contratação de uma hospedagem de site, até os mais complexos, como funcionalidades e integrações que precisam de mais empenho para desenvolvimento.

Ao contrário do segundo que representa apenas as ações de comercialização, através do desenvolvimento de sites profissionais para sua marca.

O que é melhor: loja ou e-commerce?

O que é melhor: loja ou e-commerce?

Então, se você chegou até esse momento sem entender qual é melhor, é importante frisar que não existe uma resposta unitária.

Pois, tudo depende da forma como você deseja conduzir seu projeto. Já que ambos envolvem a criação de sites para empresas e empreendedores, mas, podendo haver diferentes finalidades.

Normalmente, a loja virtual surge apenas a partir de uma marca que existe no meio físico, apesar de isso não ser uma regra.

Contudo, dificilmente um projeto criado dessa forma diretamente no meio digital, terá sucesso. Já que por trás de toda loja física existe um comércio.

O mesmo deve valer para o meio digital, a fim de que as chances de crescimento sejam exponenciais e escaláveis.

E-commerce vai além de loja virtual

E-commerce vai além de loja virtual

Com tudo que vimos acima, temos que um e-commerce não é tão simples quanto parece para muitas pessoas.

Não basta apenas abrir sua loja virtual. Um comércio eletrônico é caracterizado pela abertura de uma loja virtual, alinhada a diversas outras ações e processos.

Por exemplo, ainda será necessário treinar suas equipes mesmo que essas não atuem em um ponto físico.

Estar no meio digital não significa que os colaboradores não devem ter uma capacitação/preparo. Afinal de contas, aqui teremos pessoas atuando em suporte, vendas, marketing e muito mais, tal como no comércio tradicional.

Além disso, existe a necessidade de manter a organização do que se vende, controle de estoque, fluxo de caixa, etc.

Bem como, existem as ações amplas de marketing digital para divulgação da marca. E para complementar, as de pós-vendas para fidelização.

Do contrário, apenas desenvolver uma loja virtual não garantirá que sua marca venda, cresça e se torne escalável.

Esclarecendo tudo

Entenda todos os tipos de comércio virtual

Ainda está em dúvidas, mas, precisa contratar o serviço de uma empresa de desenvolvimento de sites para iniciar o seu negócio?

Então, abaixo separamos alguns pontos de esclarecimento. Ou seja, a fim de abordar os tipos de plataformas existentes e quais as suas finalidades.

Site

Considerada a plataforma mais tradicional, também é denominado como site institucional

Funciona como um cartão de visita no qual, uma marca divulga suas informações e escopo.

E-commerce

Como vimos antes, o e-commerce ou comércio eletrônico é um tipo de empreendimento que se origina no meio virtual.

Apesar de ser constituído também por uma loja virtual. Esse conceito vai além, pois, engloba todas as ações e processos existentes por trás das operações de compra e venda.

Na atualidade é comum, se acopla aos e-commerces assim blogs para promover sua marca.

Loja virtual

Em geral, uma loja virtual é um ponto de venda digital originado de uma marca que já atua no meio físico e que deseja ampliar seu campo de atuação.

Raramente, sendo iniciada nesse meio diretamente. Uma vez que, ela é desenvolvida apenas como um meio de compra e venda.

Leia também:
1Google Search Console: como verificar os backlinks do seu site
2O que é AMP – Accelerated Mobile Pages? E quais suas Vantagens?

Marketplace

Sendo assim, um terceiro conceito que se diferencia de loja virtual e e-commerce, o marketplace se baseia no conceito de parceria comercial.

Esse conceito, para melhor entendimento, pode ser comparado a um shopping. Pois, estamos falando de uma plataforma digital que reúne nela, diversos lojistas/vendedores.

Ou seja, um site no qual, ao acessar é possível encontrar em um único lugar, diferentes fornecedores de um mesmo, semelhante ou diferentes produtos.

Alguns exemplos de plataformas desse tipo são a Americanas.com e o Magazine Luiza.

Shopping online

Por fim, temos ainda outro termo bastante usado no meio digital que é o shopping online.

Mas, que possui o mesmo significado de loja virtual. Ou seja, uma plataforma destinada para compra de mercadorias, sem serviços de intermediação.

Dúvidas frequentes

O que é loja virtual?

Em geral, uma loja virtual é uma extensão de marcas que já atuam no meio físico e que, desejam abrir um ponto de vendas no meio digital. Sendo assim, com a intenção de aumentar o alcance de sua marca, atendendo as novas formas de consumo. Mas, em alguns casos a loja virtual pode ser um ponto de vendas originado nesse meio. Atuando apenas na venda de produtos, sem se voltar as outras demandas, tarefas e ações atuantes por trás de um comércio.

O que é e-commerce?

Do inglês, e-commerce significa comércio eletrônico e se trata de marcas/negócios que se originam no meio digital. Sua plataforma pode ser vista como uma loja virtual, mas, as ações de marketing, vendas, atendimento e muito mais que atuam por traz dela, a caracterizam como um comércio em si. Uma vez que, esse conceito vai muito além das simples operações de compra e venda, se voltando a tudo que se relaciona e leva a elas.

Qual a diferença entre loja virtual e e-commerce?

De maneira simples, a loja virtual é apenas um ponto de vendas. Por isso, ela é responsável apenas por atender as expectativas de compra e venda de seu público. Enquanto o e-commerce é um negócio baseado em diversas estratégias de divulgação, marketing e vendas que está por trás da exposição de seu escopo. O primeiro atua como uma vitrine digital, o segundo como um negócio de forma ampla em todos os aspectos que definem o sentido de comércio.

Qual a melhor opção, loja virtual ou e-commerce?

Depende da forma como você deseja conduzir seu projeto. Já que em ambos podem haver diferentes finalidades. Normalmente, a loja virtual surge apenas a partir de uma marca que existe no meio físico, apesar de isso não ser uma regra. Contudo, dificilmente um projeto criado dessa forma diretamente no meio digital, terá sucesso. Já que por trás de toda loja física existe um comércio. O mesmo deve valer para o meio digital, a fim de que as chances de crescimento sejam exponenciais e escaláveis.

Marketplace e loja virtual são a mesma coisa?

Não, a loja virtual é uma plataforma criada ponto de venda exclusivamente do seu negócio. Já o  Marketplace funciona como um shopping; É plataforma digital que reúne nela, diversos lojistas/vendedores e ao acessar é possível encontrar em um único lugar, diferentes fornecedores de um mesmo, semelhante ou diferentes produtos.

Conclusão

Ao longo deste conteúdo, vimos o que é e quais as diferenças de loja virtual e e-commerce. Conceitos esses que estão interligados, mas, que se mostram distintos.

Se este artigo foi útil para você ou ainda possui alguma dúvida, fale conosco nos comentários e compartilhe-o para que mais pessoas possam se beneficiar também!

Categoria

Categoria

Categoria

Categoria

Categoria

Categoria

Categoria

Categoria

Categoria

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Localize no blog

Notícias e atualizações BQHost

Atualize seu site facilmente, mesmo sem ter conhecimento;